Marketing humanizado: o que é e como implementar?

O mundo digital está em constante transformação e, consequentemente, o mercado e as demandas dos/as clientes. Se na internet já foi tendência o fornecimento de respostas automáticas e impessoais, para atender os/as consumidores/as de forma mais rápida, agora vemos o crescimento do marketing humanizado, que visa estabelecer conexões mais reais e profundas entre marcas e pessoas. 

Seja em que plataforma for, está bastante claro que os/as clientes gostam de se sentir ouvidos/as e valorizados/as. Por isso mesmo, com essa nova abordagem, o bom relacionamento com os/as clientes passa a ser pautado pela conexão emocional, a partir de uma comunicação clara, mais íntima, personalizada e direta. 

Esse fator é, inclusive, decisivo no momento de muitas compras! Por isso, se você ainda tem dúvidas sobre o que é marketing humanizado, continue a leitura. A tendência está longe de ir embora e promete ser a forma de interação mais efetiva e satisfatória nesse momento de transformação digital. Vem!

O que é marketing humanizado?

O marketing humanizado é aquele que se dedica a deixar os processos de interação da empresa cada vez menos robóticos e impessoais, estabelecendo uma conexão bem mais próxima e afetiva com os usuários. 

Desde a etapa do funil de vendas, tem sido notado que as pessoas não querem apenas uma compra, mas uma experiência com a empresa. Por isso, são usadas estratégias para criar essa identificação e um diálogo mais direto e próximo com o público. 

Nesse contexto, é importante investir em estratégias que promovam a empatia e emocionem os/as clientes. São várias formas diferentes de conseguir isso, inclusive disponibilizando conteúdos que não sejam diretamente promocionais e pensando nos assuntos relacionados à marca pelos quais os/as consumidores/as podem se interessar. 

Mas investir em marketing humanizado não significa abandonar totalmente os conteúdos automatizados e promocionais. Essa tendência é tão efetiva justamente por ser capaz de potencializar todas as outras ações do marketing digital, fazendo com que a empresa consiga aumentar em até 3,5 vezes as suas vendas, de acordo com dados do Sebrae.

Quais são as vantagens e os diferenciais dessa estratégia?

Já há muitos estudos que indicam que o marketing digital faz total diferença na hora de conquistar os/as clientes, já que permite que as empresas entendam melhor todo o processo pelo qual eles/elas passam ― desde o momento em que um/a cliente em potencial se interessa pela marca ou produto até a tomada final de decisão. 

Sendo assim, o marketing humanizado permite que a empresa visualize melhor em que pontos pode ser mais assertiva e consiga tornar as estratégias mais efetivas. Isso também é muito benéfico para os/as clientes, já que eles/as sentem que conseguem tirar mais suas dúvidas e de fato esclarecer melhor os problemas quando o atendimento é feito de forma humanizada (e não por um robô).

De acordo com um estudo da Retail Drive, nesse mesmo sentido, cerca de 70% dos/as clientes afirmam preferir um atendimento humano, e não de robôs. Na mesma pesquisa, também vimos que mais de 60% preferem receber conteúdos personalizados das empresas. 

Outra vantagem do marketing humanizado é que ele pode ser implementado de diversas maneiras, em qualquer rede social, no atendimento direto ao cliente ou pelo e-mail. Com as ferramentas certas e uma linguagem que realmente construa essa relação positiva, tudo é possível.

Como utilizar o marketing humanizado na prática?

Algumas dicas simples podem ajudar todas as empresas a colocarem o marketing humanizado em prática. Mas, para isso, é sempre importante lembrar antes que essa prática visa aproximar as pessoas em primeiro lugar ― o aumento das vendas é apenas uma consequência conquistada em longo prazo.

Vale lembrar também que não é preciso seguir todas essas dicas à risca, mas sim se inspirar para conseguir atingir seus objetivos. Use toda a sua criatividade e busque sempre inovar durante esse processo!

Storytelling para emocionar

O storytelling é uma prática que consiste em trazer narrativas envolventes para a sua empresa, fazendo com que os/as clientes a vejam de maneira humanizada. Isso pode ser feito de diversas maneiras diferentes, seja gravando vídeos do dia a dia da empresa, seja fazendo entrevistas com seus integrantes ou até mostrando como surgiu a ideia da marca.

Você pode usar recursos visuais, fazer vídeos e conteúdos para redes sociais e enviar essas narrativas por e-mail, seja qual for a sua preferência ou o canal que a persona da sua marca mais acessa. 

Identificação e disponibilidade para gerar engajamento

Para responder comentários ou dúvidas nas suas redes sociais, tenha sempre em vista a empatia com os/as clientes. Responda em, no máximo, 24 horas, sempre de maneira prestativa e simpática, para que ele/ela se sinta satisfeito/a ao consultar sua empresa.

As respostas automatizadas não geram identificação e, por isso, é tão importante que exista uma equipe de pessoas (dependendo do tamanho da sua empresa) para atender de forma efetiva e mais personalizada os usuários.

Escolha um personagem fictício

Para facilitar essa comunicação humanizada, escolher um personagem fictício é bastante interessante. Assim, você pode pautar a comunicação em como esse personagem, que irá representar a empresa, deve agir, seus gostos e até seu jeito/linguagem ao abordar os usuários.

Esse personagem não precisa ser revelado ao público, de fato, mas deve ser integrado na maneira de se comunicar com os/as clientes, como é feito pela Netflix. 

Muitas empresas têm optado, no entanto, por de fato criar um personagem e os apresentar como atendente virtual da empresa ― como no caso da Lu do Magazine Luiza ou da Nat da Natura. 

O marketing humanizado é essencial hoje em dia e, com certeza, pode te aproximar bastante dos/as clientes e tornar a sua empresa mais real e acessível para todos/as. Entendendo esses conceitos simples, já é possível pensar em várias formas de implementá-lo. 

Para se preparar bem para o mercado digital e conhecer os assuntos que estão mais em alta, do ponto de vista de profissionais que estudam sobre isso, assine a newsletter da Gama Academy. Você receberá textos didáticos e fáceis de entender para se tornar um/a verdadeiro/a especialista na área!

Postagem anterior
Próxima postagem

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.