O que é React Native e como usar em seus projetos?

Idealizado para fazer o desenvolvimento de interfaces web, o React Native é um framework criado pelo Facebook e lançado em 2015.

Esse framework é utilizado tanto para sistemas Android quanto iOS, com o intuito de auxiliar no desenvolvimento de aplicativos para mobile. 

O React Native foi baseado na criação de outro framework, o original React. Para construir as interfaces, a ferramenta atua como uma biblioteca Javascript, que proporciona agilidade e praticidade no processo de desenvolvimento de aplicativos mobile. 

Atualmente, diversas empresas querem facilitar o processo de criação de seus aplicativos e desenvolver aplicações que proporcionem uma experiência positiva para os usuários. Em muitos casos, esses negócios optam pela utilização do React Native. 

Seguem algumas empresas conhecidas que utilizam o React Native:

  • Instagram;
  • Wix;
  • Airbnb;
  • Facebook;
  • Tesla;
  • Discord;
  • Walmart.

O que é o React Native?

O React Native é uma solução para a criação de aplicativos mobile, principalmente no caso de aplicativos que precisam rodar nos sistemas iOS e Android.

Funcionando como uma biblioteca de Javascript, o framework é um facilitador de recursos no projeto de desenvolvimento das aplicações. 

O framework possibilita que o processo seja mais rápido e simplificado, onde, além de uma performance acima da média para os produtos, qualquer sistema operacional pode ser usado para a construção da aplicação, a exemplo do Linux, Windows e macOS.

A ferramenta também é ideal para trabalhar com linguagens distintas, já que o Android utiliza a linguagem Java, enquanto o iOS utiliza o Objetive-C. 

Entre as características principais do framework, se destacam um suporte de conhecimentos que é compartilhado para o desenvolvimento front-end e mobile.

Utilizando JavaScript, o acesso aos recursos nativos e à interface do sistema iOS e Android se torna facilitado. 

React Native e as aplicações mobile

O framework React Native é uma ferramenta prática e vantajosa, já que ela proporciona que sejam desenvolvidos aplicativos multiplataformas. Basicamente, a ferramenta modificou a forma como as aplicações são desenvolvidas.

Antes do lançamento do React Native, o processo de desenvolvimento era mais caro e lento. As ferramentas Apache Cordova, Adobe PhoneGap e MobileFirst Platform Foundation eram opções de soluções híbridas para os/as profissionais.

Mas, mesmo com essas ferramentas híbridas, ainda era preciso que os/as desenvolvedores/as criassem códigos distintos para fazer com que as aplicações funcionassem nos dois sistemas, que apresentam linguagens nativas diferentes.

Já no React Native, o código desenvolvido se converte para a linguagem nativa e original do próprio sistema operacional. Assim, ao utilizar o framework, os/as desenvolvedores/as conseguem aproveitar totalmente o código. 

Quais são as vantagens do React Native?

A ferramenta criada pela equipe interna do Facebook foi um verdadeiro divisor de águas, pois o React Native oferece diversas vantagens para os/as desenvolvedores/as de aplicações para mobile.

O framework possibilita que o processo de desenvolvimento de aplicativos seja mais barato, prático e rápido. 

Um dos benefícios dessa solução é que ela cria correspondência entre os códigos, o que torna o projeto mais fácil de ser executado. Sendo assim, o React Native dispensa a presença de muitos/as profissionais para o projeto, e também oferece uma curva de aprendizado mais curta. 

Além disso, ele também proporciona que o usuário tenha uma experiência mais fluida e carregamentos que acontecem mais rapidamente.

Outros benefícios de utilizar o  framework são a maior segurança, uma melhor performance e integração entre a aplicação e outras funções do aparelho eletrônico, como a câmera, por exemplo. 

Principais funcionalidades do React Native

Tornando o desenvolvimento de aplicações mais prático, o React Native aumenta a produtividade do projeto.

Com diferentes funcionalidades, o framework é responsável por auxiliar a manutenção e o desenvolvimento das aplicações, que passam a rodar nos dois sistemas operacionais.

Hot Reloading

Para resolver a lentidão na compilação de dados e testes, o React Native usa uma abordagem chamada de live reload. Por meio da Expo, uma ferramenta utilizada para rodar o framework, as mudanças e alterações no código acontecem de forma automática.

Além disso, a alteração também é levada para o servidor em tempo real. Assim, o aplicativo é atualizado, dispensando que o projeto necessite ser compilado.

No caso de atualizações, a ferramenta possibilita que o aplicativo não precise ser enviado para um simulador antes da atualização. 

Código nativo

Utilizado por um/a desenvolvedor/a para programar em apenas um código, o React Native faz a conversão do código híbrido para nativo. Para isso, o framework faz uso da linguagem XML e do Javascript.

Dessa forma, os produtos que são desenvolvidos utilizando o React Native são mais fluidos e entregam maior agilidade no funcionamento. 

Desenvolvimento paralelo

Outra funcionalidade do React Native é o desenvolvimento feito de forma paralela, já que não é necessário recriar a aplicação do zero ao utilizar o framework.

No caso de novas features ou features que já existem, o framework é integrado facilmente para uma aplicação.

Plugins

No React Native, é possível utilizar componentes que são criados por usuários por meio dos plugins. Além disso, os plugins customizados também garantem que as funcionalidades sejam estendidas.

Sintaxe

Para a criação dos elementos, o React Native não utiliza HTML. Dessa forma, o framework se diferencia do React.

No framework atual, os elementos são convertidos diretamente para a linguagem nativa. Disponíveis na documentação oficial do React Native, os componentes são diferentes e servem para a exibição de texto na aplicação mobile.  

Mercado para os profissionais da área

Apenas em 2018, segundo a empresa App Annie, foram contabilizados 113 bilhões de downloads de aplicativos, representando uma alta de 10% em comparação com o ano anterior.

Considerando a transformação digital, o mercado de desenvolvimento de aplicativos é uma área promissora para os/as profissionais que buscam entrar no ramo, já que, além do aumento do número de usuários de aparelhos móveis, o mercado de aplicativos também está em uma crescente. 

Segundo a pesquisa feita pela Pew Research Center, o Brasil ocupa a segunda posição do mercado no ranking de países que apresentam o maior crescimento do mercado mobile. Portanto, o setor para os/as desenvolvedores/as é promissor. 

Ainda por ser uma área em crescimento, a tendência é uma maior concorrência entre os/as profissionais, valendo a recomendação de que os/as desenvolvedores/as procurem se qualificar e obter diferenciais no segmento de criação de apps. 

Conclusão 

O React Native é um facilitador para os/as desenvolvedores/as e empresas e acaba entregando agilidade e vantagens para os usuários finais dos aplicativos.

Por fim, é notável a evolução que esse framework trouxe para o mercado de aplicações mobile, diminuindo o tempo de desenvolvimento e os custos envolvidos nos projetos. 

Postagem anterior
Próxima postagem

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

formacao-desenvolvimento-web

Gama Experience - Formação em Desenvolvimento Web