Veja a importância do Employer Branding

Employer branding é uma prática de recrutamento e seleção para atrair talentos, promover a marca empregadora da empresa, reter bons/boas profissionais e fortalecer o local de trabalho ao criar um ambiente com maior bem-estar para o time.

Os times de Recursos Humanos (RH) vêm adotando uma série de estratégias de recrutamento e seleção para atrair pessoas com o perfil ideal para as empresas, entre elas o employer branding.

Na prática, o employer branding tem como objetivo reforçar os atrativos da empresa durante os processos de recrutamento e seleção para que os/as profissionais que estão em busca de uma posição no mercado desenvolvam uma visão e um conceito positivo sobre a organização e, consequentemente, queiram trabalhar nela. 

Trata-se, portanto, de fortalecer a marca empregadora da empresa. Afinal de contas, todas as pessoas querem trabalhar em um local agradável, com benefícios, que tenha uma cultura fortalecida e que respeite os/as funcionários/as.

Diversos fatores contribuem para fortalecer a marca empregadora de um negócio, como oferecer um bom plano de carreira, entender e respeitar a vida pessoal dos/as funcionários/as, oferecer alguns diferenciais no ambiente de trabalho, como áreas de descompressão e relaxamento, e muito mais. 

O planejamento do employer branding é feito de forma a promover a empresa como uma empregadora de boa reputação. Sabe aquele lugar onde todo mundo morre de vontade de trabalhar, como Google ou Apple? Então, isso é o efeito do employer branding!

Imagine como deve ser maravilhoso ter um cargo em uma superempresa de tecnologia, com uma cultura organizacional descolada e que oferece flexibilidade para os/as colaboradores/as! Essa visão a respeito de uma empresa só existe por causa de um trabalho consistente de employer branding, desenvolvido para fortalecer a marca como boa empregadora. 

Como foi dito, o employer branding é apenas uma das maneiras de criar uma reputação e uma imagem consolidada da empresa como um lugar excelente para trabalhar. Porém, no trabalho de RH e nos processos de Recrutamento e Seleção, existem outras práticas importantes, tais como:

  • marketing de recrutamento;
  • estratégias de retenção de talentos;
  • recrutamento interno e externo;
  • recrutamento de minorias;
  • recrutamento misto e online;
  • entre outros.

Nosso objetivo nesta conversa é abordar de forma mais completa o que é employer branding e como essa estratégia pode ajudar muito o time de RH a expor uma empresa como uma marca sólida e preparada para atrair bons/boas profissionais!

O que é employer branding: entenda este conceito!

O employer branding tem o objetivo de fazer uma construção da imagem da empresa para que ela seja positiva e bem avaliada no mercado como um bom lugar para trabalhar. O marketing feito pelo employer branding tem como finalidade chegar até os/as potenciais colaboradores/as e gerar encantamento.

Sabe quando o time de marketing digital cria uma ação para transmitir uma mensagem de valor para os clientes? Neste caso, o employer branding faz isso com foco em atração e retenção de talentos e, como consequência, isso acaba refletindo no valor de mercado e em como os clientes avaliam a marca.

Veja alguns exemplos de employer branding

No final das contas, o employer branding não é apenas “criar a imagem” de um local bom para trabalhar, mas sim implementar uma série de medidas e construir uma imagem sólida da empresa para elevar o nível de satisfação dos/as funcionários/as de maneira real.

  • Ter um bom plano de carreira;
  • Contar com programas para a inclusão de minorias;
  • Oferecer cursos para aprimoramento;
  • Ter berçário para as funcionárias mamães;
  • Oferecer alimentação de qualidade, com produtos orgânicos e saudáveis;
  • Ter flexibilidade de horário;
  • Programar eventos para o time relaxar, como um happy hour;
  • Ter uma sala de descompressão para soneca ou jogos;
  • Entre muitos outros!

Como a estratégia envolve a marca como um todo, a cultura da empresa deve ser fortalecida em todos os departamentos, mas a participação do time de Recursos Humanos é essencial para a estratégia evoluir e se consolidar.

Saiba a diferença de Employer Branding e Marketing de Recrutamento

A diferença entre employer branding e marketing de recrutamento é bem fácil de perceber. O marketing de recrutamento é a promoção de uma vaga de trabalho que está aberta na empresa.

Na verdade, trata-se mesmo da propaganda e divulgação da vaga em canais específicos e com o apoio de softwares de seleção que conseguem automatizar vários processos, como o envio de mensagens e e-mails.

O marketing de recrutamento torna o time do hire bem mais rápido, pois a equipe de RH otimiza vários processos no funil de seleção, como anunciar direto para o/a candidato/a que tem perfil para a vaga e usar uma linguagem interessante para os talentos.

Claro, durante todo este processo, a empresa é promovida como um bom lugar para trabalhar. 

O marketing de recrutamento aumenta ainda o engajamento dos/as candidatos/as e direciona o investimento do processo de recrutamento e seleção, ajudando até mesmo a empresa a economizar.

Promoção x posicionamento

O employer branding tem o objetivo de posicionar a marca como uma empresa empregadora com uma cultura forte e valores sólidos, que prezam pelo/a funcionário/a.

Já o marketing de recrutamento é feito para promover uma vaga e divulgar os valores criados pelo employer branding e que vão atrair os talentos na estratégia de seleção.

Primeiramente, deve-se trabalhar na construção de um employer branding bem estruturado, em seguida é feita a estratégia de promoção da marca e das posições que estão disponíveis na companhia.

Enquanto o employer branding vai se mantendo constante e envolvente, em um compromisso de longo prazo vinculado aos valores da empresa, o marketing de recrutamento pode mudar de acordo com as tendências do mercado.

Por exemplo: novos conteúdos, diferentes canais, tecnologias inovadoras, ferramentas aprimoradas e uma nova abordagem podem ser necessários para a atração de talentos.

Qual a importância do employer branding?

Segundo uma pesquisa do LinkedIn, pelo menos 75% dos/as profissionais que estão procurando trabalho pesquisam detalhes sobre as empresas antes de se tornarem candidatos/as.

Por isso mesmo, a imagem que uma empresa transmite para os/as candidatos/as fará muita diferença na hora de atrair profissionais com o perfil desejado e que, no caso, são seletivos/as também, mesmo quando estão precisando do emprego.

De fato, muitos/as bons/boas profissionais necessitam do trabalho, mas eles/as buscam bastante até encontrar uma organização que tenha uma cultura com a qual já estejam alinhados/as, com plano de carreira e outros benefícios.

Os grandes talentos não querem se distanciar de seus ideais e valores para trabalhar em uma empresa que não ofereça um bom clima ou uma cultura de diversidade. 

Além de salário e plano de carreira, os/as profissionais de hoje querem mais, desde desafios até um agrado da empresa de vez em quando. Isso é natural, principalmente se você pensar na dedicação e no tempo das nossas vidas que ficamos envolvidos/as com o trabalho.

Conheça estratégias para colocar o employer branding em prática

O employer branding é importante para, justamente, criar estratégias que promovam uma organização como um local interessante e atraente para bons/boas profissionais. Veja algumas estratégias que podem ser colocadas em prática no dia a dia.

Tenha uma cultura organizacional forte

A cultura organizacional é essencial em uma estratégia de employer branding eficiente. O fit cultural, com valores, missão, hábitos e princípios que são fundamentais para o ambiente de trabalho ser saudável e respeitoso, faz parte do employer branding.

A cultura mostra se a empresa é descontraída ou formal, e os candidatos prestam muita atenção nisso.

Crie pesquisas de clima organizacional

Sabe quando os/as funcionários/as estão desanimados/as, descontentes ou incomodados/as com alguma coisa?

Geralmente, os/as gestores/as e o RH percebem um clima pesado no ar, mas, para identificar o motivo, podem fazer pesquisas na organização.

A pesquisa sobre o clima organizacional é uma maneira de obter feedbacks que vão ajudar a melhorar o ambiente de trabalho para o time e, muitas vezes, pequenos detalhes fazem muita diferença.

Por exemplo: você pode descobrir que um lanche ou uma confraternização no fim do mês, para comemorar as metas e projetos fechados, pode mudar totalmente o clima na empresa. Algo simples de fazer, com um resultado surpreendente!

Ou, se os/as funcionários/as não se sentem reconhecidos/as, pode ser necessário um treinamento para os/as gestores/as elogiarem mais e adotarem uma postura diferente, com um tratamento mais próximo e humanizado.

Estruture planos de carreira

Todos/as os/as profissionais querem crescer na empresa, não é mesmo? O ideal é que os/as colaboradores/as tenham um plano de carreira, pois isso estimula o trabalho e melhora o desempenho.

A organização pode contar com a equipe de RH e com os/as gestores/as para criar os planos de carreira ideais para que os/as funcionários/as sintam que podem passar anos na mesma empresa e que, ao longo da jornada, vão evoluir e encarar novos desafios, além de serem recompensados/as financeiramente.

Invista no marketing digital como ferramenta do employer branding

O employer branding utiliza o marketing digital para mostrar aos talentos as ações e os diferenciais da empresa.

Por isso, é importante sempre atualizar as redes sociais para apresentar as novidades com fotos e vídeos que gerem interesse, além de aproveitar o espaço para os seguidores verem que o clima da empresa é bem agradável.

Nas páginas de carreiras, o time de RH pode compartilhar informações sobre a cultura da organização. A produção de conteúdo pode incluir os/as colaboradores/as, que podem publicar em um blog ou canal de YouTube corporativo, por exemplo.

Quando os/as funcionários/as gravam depoimentos contando a experiência de trabalhar na empresa, isso ajuda muito a engajar os candidatos. Essa é uma boa estratégia de employer branding para todos os negócios. 

Viu como é importante investir na marca empregadora da empresa? O employer branding é uma tendência forte e que vem ajudando muitas organizações na atração, contratação e retenção de talentos. 

Experimente na sua empresa e aproveite também para conhecer o Gama Corp, serviço de Education Recruitment prestado pela Gama aos negócios que precisam atrair, formar e contratar os/as melhores/as profissionais para carreiras digitais!

Postagem anterior
Próxima postagem

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.