Geomarketing: o que é?

Geomarketing é o nome da estratégia de promoção de marcas e geração de vendas criada a partir da localização das pessoas, usando ferramentas voltadas para location intelligence.

Se você ainda não sabe o que é geomarketing, mas é um/a consumidor/a no ambiente digital, provavelmente já tenha percebido que sua localização está influenciando diversos algoritmos.

Saber onde uma pessoa está é essencial no geomarketing, uma estratégia de marketing digital criada para melhorar os resultados e diminuir os custos por meio da georreferência.

No geomarketing, a localização pode ser macro ou micro. Dependendo da empresa, pode ser essencial identificar se um/a potencial consumidor/a está em um país ou em um bairro, por exemplo.

Ou seja, este modelo de marketing guiado pela geolocalização pode atender negócios de inúmeros segmentos e de diferentes tamanhos!

O que é geomarketing?

Geomarketing é um sistema de relacionamento baseado na localização e pode envolver empresa, consumidores, pontos de distribuição, fornecedores e outros agentes que fazem parte de um ambiente de negócios.

Como se trata de marketing criado e potencializado por geolocalização, as relações estratégicas e o modelo de negócios são estruturados a partir de onde a empresa e os potenciais clientes estão, como em um bairro, uma cidade, um estado ou mesmo em um continente.

Na história, o geomarketing tem sua representação bem antiga, na Lei da Gravitação do Varejo de William Reilly e pelos estudos de Walter Christaller, chamados de teoria do Lugar Central.

No geomarketing, é fundamental utilizar informações sobre o território para criar impactos positivos no modelo de negócio.

Quais são as principais aplicações dessa estratégia?

Atualmente, o geomarketing está sendo aplicado em empresas dos mais diferentes segmentos de negócio, entre eles: ensino, serviços, indústria e varejo.

As aplicações do geomarketing são feitas para obter os mais diferentes resultados e objetivos. Entre os mais conhecidos, destacamos:

  • Identificar ou refinar as características do público-alvo;
  • Perceber como os concorrentes estão atuando;
  • Saber a faixa etária que predomina na região onde a empresa está;
  • Conquistar novos/as clientes;
  • Saber precificar com mais assertividade;
  • Distribuir os produtos pelos canais corretos;
  • Otimizar os territórios de venda;
  • Selecionar os pontos comerciais mais eficientes.

Talvez você já tenha percebido que, ao andar em determinadas regiões de cidades médias ou grandes, existem pontos onde alguns negócios estão concentrados em áreas muito específicas.

Por exemplo: lojas de carros de luxo em áreas nobres onde vivem pessoas de alto poder aquisitivo, centros de tratamento auditivo e cuidados geriátricos em regiões com grande concentração de idosos e zonas repletas de bares e restaurantes em áreas universitárias. Essa é uma das práticas do geomarketing!

E quais são as vantagens?

Além do que já foi apresentado anteriormente, o geomarketing pode ser essencial para expandir os negócios e para saber onde abrir lojas novas, saber o hábito de consumo das pessoas para potencializar ações de marketing e relacionamento com clientes e usar a inteligência comercial para manter contato com leads qualificados.

A área de alcance das empresas, conhecida como território, pode ser muito bem explorada pelo geomarketing, principalmente porque ficou mais fácil de saber a localização de clientes com o uso de dispositivos digitais.

A conexão com a internet e o smartphone revolucionaram o geomarketing e trouxeram uma facilidade muito maior de saber onde os/as clientes estão em tempo real e obter informações preciosas sobre seus hábitos.

Se você é usuário do Google Maps, sabe que redes de serviço usam esta ferramenta de localização para oferecer  seus atendimentos para usuários/as que estão na região em busca de restaurantes, hotéis, petshops, shoppings, entre outros.

Essa é a grande vantagem do geomarketing: usar a localização para explorar de forma inteligente o território de atuação do negócio, atraindo clientes por causa da proximidade.

Neste caso, as pessoas que estão ao redor do ponto comercial ficam localizadas na área de influência, onde estão concentrados os principais consumidores.

Por isso, pessoas que moram ao lado de uma padaria costumam sempre comprar nela ou se um supermercado faz parte do seu trajeto para o trabalho, ele também pode entrar na sua rotina.

Porém, com a internet, o geomarketing ganhou um modo de operação mais abrangente. Se um e-commerce entrega seus produtos em uma região no mesmo dia, muitos/as clientes podem fazer suas compras interessados/as nesta agilidade logística.

Como usar o geomarketing no seu negócio?

Seja para abrir um ponto comercial, seja para melhorar o desempenho do seu negócio, algumas ferramentas podem ser essenciais para o geomarketing ser colocado em prática.

O software as a service, no qual o usuário se conecta com login e senha, é uma ótima ferramenta para que sua empresa obtenha informações importantes sobre geolocalização.

Seu negócio pode contratar este serviço de uma empresa especializada com muita flexibilidade, já que a hospedagem é na nuvem, tem preço acessível e variável para cada modelo de negócio e análise de dados com bases sólidas.

Muitas empresas usam as redes sociais para trabalhar com o geomarketing, utilizando filtros de localização como peça-chave para atração dos/as clientes e também para refinar o relacionamento com os seguidores.

Empresas maiores costumam contratar organizações especializadas em geomarketing para marketing digital, onde consultores/as e equipe técnica ficam engajados em fazer estudos mais profundos sobre o mercado e criar um plano para implementação de estratégias de negócio.

Várias ferramentas gratuitas também podem ser aplicadas em geomarketing. As mais conhecidas são as seguintes:

  • Google Maps/Street View: o usuário pode encontrar o ponto comercial mais próximo dele e ver a fachada da loja, por exemplo;
  • Google Earth: usada para um estudo geográfico mais completo sobre uma determinada região onde uma empresa pretende se instalar ou aumentar sua presença.
  • BatchGeo: uma ótima ferramenta de localização de dados importantes para o geomarketing, como códigos postais, cidades e endereços.

Como você viu, o geomarketing é uma solução viável e indispensável para empresas que pretendem crescer de forma estratégica em um ambiente de negócios onde os/as clientes estão conectados/as.

Para isso, basta contar com profissionais qualificados/as e ferramentas apropriadas! 

Aproveite e confira agora nesse outro conteúdo os 7 erros de marketing digital para não cometer

Postagem anterior
Próxima postagem

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.