Como manter a segurança de dados na internet?

A segurança de dados na internet abrange um conjunto de práticas para respeitar a privacidade das informações dos usuários. Confira as principais!

Atualmente, as pessoas estão rodeadas por tecnologia a todo momento, pois sempre compartilham informações e trocam mensagens. Contudo, é essencial garantir a segurança de dados na internet e a privacidade do usuário.

Os dados dos usuários são fundamentais para melhorar os serviços e a experiência dos consumidores. Contudo, muitos golpistas possuem interesse em roubar e vazar essas informações. 

De acordo com um estudo da Akamai, divulgado pelo jornal Correio Braziliense, durante o ano de 2020, foram registradas mais de 3 bilhões de tentativas de roubo de credenciais no Brasil. 

O que é segurança de dados na internet?

A segurança de dados na internet corresponde a um conjunto de ações para proteger as informações que os usuários compartilham online. Essas práticas podem ser preventivas ou reativas. 

Além disso, as ações também protegem as informações que são essenciais para o funcionamento adequado de uma empresa. Dessa forma, a função dos profissionais de segurança é evitar o roubo, acessos de pessoas não autorizadas e a modificação inadequada dos dados. 

A segurança de dados na internet leva em consideração os 5 pilares a seguir:

  • Disponibilidade dos dados para pessoas autorizadas;
  • Confidencialidade dos dados;
  • Autenticidade para assegurar que as informações são verdadeiras;
  • Irretratabilidade de uma transação de autoria;
  • Garantia de que os dados sejam processados com conformidade às regras.

Por que manter a segurança de dados na internet

Segundo uma pesquisa da Surf Shark, estatísticas mostram que o Brasil foi o sexto país em número de vazamentos de dados em 2021. De acordo com o levantamento, 24,2 milhões de perfis de usuários foram expostos por causa de ataques a sistemas.

Além disso, ao contrário do que muitas pessoas imaginam, os ataques de hackers são mais direcionados a pequenas e médias empresas. Normalmente, essas invasões são efetivas, pois seus sistemas de proteção são mais fracos. 

Ao fornecer suas informações para uma instituição, o cliente confia que ela vai respeitar sua privacidade. Logo, é necessário se preocupar com a segurança de dados na Internet e assegurar que eles permaneçam protegidos.

A importância de manter a segurança dos dados na internet

Independentemente do porte ou ramo da empresa, os investimentos em segurança de dados na internet são fundamentais. Isso significa que, se a sua empresa possui um banco de dados com informações sobre os clientes, é fundamental garantir a segurança e a inviolabilidade desses dados. 

Veja os principais benefícios de investir em segurança de dados: 

Estabilidade

Para empresas e instituições, é importante investir na segurança de dados na internet, pois ela confere mais estabilidade e proteção às redes. Um ataque hacker prova a instabilidade do sistema, o que mostra como as redes de segurança estão vulneráveis.

Ao investir em segurança de dados, o sistema da empresa se torna mais estável e confiável. Além disso, é possível reduzir a paralisação da rede e garantir a produtividade da equipe, que é impactada de maneira negativa durante um ataque cibernético.

Confiança dos usuários

Fazer o direcionamento de esforços para a segurança de dados permite que a empresa possa aumentar a confiança dos seus usuários e ainda formar uma relação duradoura com seus clientes. Os benefícios envolvem a conquista de uma imagem positiva no mercado e a redução de riscos.

Competitividade

A segurança cibernética é um diferencial no mercado. A partir desse investimento, a instituição cresce de maneira saudável e pode atuar com mais transparência. 

Diminuição dos custos

A saúde financeira é afetada pelas invasões cibernéticas, pois elas trazem mais despesas que não constavam no planejamento orçamentário da instituição. Portanto, as medidas de segurança são capazes de diminuir custos, pois evitam as multas dos órgãos responsáveis e os gastos adicionais com processos internos.  

Influência da LGPD

A segurança de dados na internet vem sendo muito debatida nos últimos anos. Em 2020, a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) entrou em vigor e trouxe mais atenção para o assunto. O objetivo da lei é mudar a forma como os dados dos usuários são tratados. Assim, ela confere mais controle e independência ao seu titular. 

Com ênfase na construção de uma relação ética e transparente, essa legislação estabelece as medidas de segurança para as informações pessoais. Após ser implementada, ela resultou em maior proteção para empresas e usuários. 

Um programa rigoroso de segurança de dados na internet adequa a empresa à LGPD e minimiza o número e risco de ocorrências.

Punições para quem descumprir a LGPD

Por sua vez, a lei também determina sanções para as empresas que não se adequam às regras ou que passam por casos de vazamento de dados. Quando uma empresa não se ajusta à legislação, a LGPD gera sanções variáveis e que envolvem multas, advertências e a suspensão total ou variável das atividades.

como-manter-a-segurança-de-dados-na-internet
Como manter a segurança de dados na internet | Gama Academy

Como aumentar a segurança da sua empresa 

Por conta do uso frequente dos ambientes online, a cibersegurança é uma área em crescimento. Agora, muitas empresas procuram por profissionais especializados na segurança de dados na internet. Esses colaboradores costumam possuir conhecimentos nas seguintes áreas: desenvolvimento de softwares, análise de dados e redes de computadores.

Na prática, os profissionais de segurança de dados executam uma série de ações para proteger os sistemas da empresa. A primeira medida é a instalação de certificados digitais, que possibilitam a assinatura de documentos e a emissão de notas por meio de um arquivo eletrônico que comprova a identidade da instituição.

Para proteger a empresa, os colaboradores também fazem backups com frequência e instauram o sistema de autorização limitada de acesso, ou seja, uma medida que permite a identificação dos usuários em vários cenários.

Por fim, os profissionais também orientam a empresa quanto à criação de senhas que sejam fortes e a necessidade de atualizar esses códigos com frequência.

Práticas para aumentar a segurança dos usuários

Sistemas de segurança na nuvem

O investimento em ferramentas e dispositivos de proteção auxilia a empresa a manter o sigilo das informações de seus clientes. A segurança de dados na nuvem permite que a instituição não dependa de um servidor físico, o que torna o processo mais seguro. 

Muitas empresas investem no armazenamento de dados na nuvem. Contudo, também é preciso aplicar medidas para manter a segurança das informações e a sua rápida recuperação em emergências.

Autenticação em dois fatores

Comum em instituições financeiras, como é o caso de bancos, a autenticação em dois fatores é uma prática básica que eleva a segurança dos dados. Essa ação consiste na adição de uma segunda camada que verifica se o login da conta é realizado por uma pessoa com autorização.

Mapeamento do negócio

Antes de definir a estratégia mais eficiente para manter a segurança de dados na internet, é importante analisar toda a estrutura atual dos sistemas utilizados. Desse modo, os gestores conseguem diagnosticar os pontos que necessitam de atenção e definir quais são as melhores práticas de segurança.  

Quer saber mais sobre a segurança de dados na internet? Continue lendo o nosso blog e veja mais conteúdos.

Postagem anterior
Próxima postagem

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.